Ver todos os posts
Publicado em Publicado em

Salesforce e a sua segurança no mundo online

Categoria

Salesforce

Partilhar

Se estivermos minimamente atentos às notícias, damos conta que os ataques informáticos e roubo de dados são cada vez mais frequentes. Já foi, inclusive, reportado que durante a atual pandemia estes ataques aumentaram.

Na LOBA, damos uma grande importância à segurança dos seus dados. Tal como nós, a Salesforce, da qual somos o primeiro parceiro português, também procura que a segurança seja um dos seus principais focos. A empresa reúne grandes esforços em torno da segurança, seja a nível de acessos dentro da plataforma, como a nível de tecnologias utilizadas para a proteger e ao seu negócio, face a ataques de pessoas menos bem intencionadas.

Existem vários níveis de acesso na área de Segurança de Dados:

  • Nível da organização: é possível ter uma lista de utilizadores autorizados, políticas de password, limitar número de logins e até a localização;
  • Nível dos objetos: em todos os objetos (tabelas que guardam os seus dados) é possível definir permissões de leitura e escrita;
  • Nível dos campos: tal como nos objetos, é possível definir permissões, mas mesmo que o utilizador tenha acesso ao objeto, pode ser definido que não tenha permissões num campo desse objeto;
  • Nível dos dados: os dados podem ser partilhados manualmente (partilha entre utilizadores), através de regras de partilha, hierarquias de funções ou através de opções gerais para a organização.

A nível de segurança da plataforma, a Salesforce tem vários recursos que ajudam a aumentar a defesa contra vários ataques – como a possibilidade de fazer auditorias à análise da sua organização com o seu Health Check, onde é possível ver todas as configurações que estão a colocar a sua organização em risco, como é mostrado na imagem abaixo.

Para além disso, o Salesforce tem um grupo de ferramentas de segurança (Salesforce Shield) que elevam a segurança das suas aplicações. É dividido em três pontos: encriptação dos dados que não estão a ser utilizados; monitorização de eventos em tempo real que fornece dados de performance, segurança e de acessos a dados críticos de negócio; trilho de auditoria em campos, que permite ver o estado e valor dos seus dados em qualquer data.

Para fomentar a  transparência, a Salesforce partilha também o estado de segurança e performance do sistema no seu site.

Todas estas ferramentas são importantes para a segurança da sua organização na Salesforce, mas também é importante estarmos informados acerca dos perigos e das oportunidades que a plataforma oferece para os mitigar. Com esse objetivo, a Salesforce, no seu site Trust, partilha práticas recomendadas, conteúdo educacional e avisos de segurança para administradores, developers ou clientes. 


Na LOBA, como já referido, damos muita importância a esta temática nos projetos dos nossos clientes, e exploramos ao máximo as ferramentas que a Salesforce nos disponibiliza para melhor os conseguirmos ajudar e aconselhar. Tem dúvidas sobre este assunto? Contacte-nos!

Ver todos os posts